Uma tal de porchetta

porchetta

Quando comecei a pesquisar o que fazer na região de Roma, inclusive o que comer, dei logo de cara com duas comidas especiais e tipicamente romanas: o supplì (sobre o qual falei aqui) e a porchetta.

Sobre a tal da porchetta

Porchetta, na verdade, é uma forma de assar o pobre do porquinho. Eles usam a lateral desossada (pelo que li, o equivalente ao lombo, com barriga e pele), temperam, enrolam e assam até chegar no ponto. Em alguns lugares,  a carne é enrolada com legumes. Em outros, só tempero mesmo.

porchetta, Roma, cima típica de Roma
A porchetta, feita apenas com a carne de porco e temperos

Dizem que a origem é Ariccia, em Lazio, Mas também já li que a cidade de Norcia, na Umbria, também reivindica a criação. Sabe-se também que existia na região de Abruzzo séculos atrás. Por isso coloco que é da Itália central. E encerramos o assunto.

A porchetta pode ser servida como segundo prato (as refeições italianas são formadas por primo piato, a entrada, e secondo piato, o prato principal – mas atenção: a massa é a entrada e o prato principal é pequeno, uma porção de proteína com algum complemento pequeno. Ou seja, dá pra comer tudo – mas eu confesso que não consegui). Como comida de rua, é servida como recheio de ciabatta.

Eu tinha ouvido falar que se fôssemos para Frascati, cidade bem próxima a Roma, onde ficam várias vinícolas (falei sobre nossa visita a uma vinícola aqui), na região de Castelli Romani, era necessário experimentar a porchetta. Como até iriamos a Frascati, mas com rumo certo, fiquei procurando onde comer em Roma. Na verdade, onde o Fe poderia comer em Roma.

Onde achar

Durante os primeiros dias da viagem, fiquei de olho pra ver onde teria. Mas nem foi difícil encontrar. É tipo bruschetta, tem em qualquer lugar.

Logo no primeiro dia que passeamos pelo Trastevere (bairro boêmio e tipicamente romano – aliás, quem mora em Trastevere fala que a verdadeira Roma é ali), vimos uma casa de sanduíches chamada La Prosciutteria, que tinha um simpático porquinho na frente.

img_5780

Passamos várias vezes nesse lugar até resolvermos parar um dia. A casa é um graça. Pequeninha, lotada de peças de presunto de Parma penduradas, Com uma vitrine maravilhosa (e suculenta) de sanduíches que são feitos na hora.

img_4920

O sanduíche

O Fe não resistiu e pediu uma porchetta. Eu pedi uma ciabatta redonda com pecorino e presunto de Parma. Ele ainda é servido quentinho, o queijo derrete e é simplesmente incrível.

img_4914
O meu sanduíche de queijo pecorino e presunto de parma. Ainda sem derreter.

 

Porchetta
A porchetta do Fe, em primeiro plano. É bom, mas falta uma liga.

O sanduíche do Fe era de fato saboroso (e por mais que achássemos que seria pouco, foi o suficiente para matar nossa fome no almoço), mas acho que falta uma liga, um creme de alguma coisa, uma espécie de cream cheese, qualquer coisa que desse maior cremosidade. Pelo menos, eu achei. O meu sanduíche deu um pau no do Fe. Mas ele não achou isso não. E adora contar sobre a tal da porchetta que ele comeu em Roma.

The following two tabs change content below.

chris_samira

Produtora de conteúdo desde 2002. Adora listas, chocolate, viajar e da canina Lili, além do Fe, com quem é casada há quatro anos. É especialista em "jogar no Google" e acha que vinho é uma questão de gosto pessoal (até porque não entende nada do assunto - só de beber mesmo). Vive indecisa quanto ao que deve fazer. Mas não acha que isso seja um problema.

Organize sua viagem para Roma com os serviços do Lá em casa tem vinho 

Desde que eu e o Fê viemos para Roma, resolvemos transformar este blog em um espaço em que pudéssemos dividir as nossas experiências. Diariamente, vamos conhecendo a cidade, aprendendo a viver nela e também mostrando aqui para você. E assim, compartilhando o que a gente vê por aqui, queremos fazer da nossa nova casa, a sua também. Além das dicas e de tudo o que postamos aqui no blog, resolvemos também ir atrás de parceiros que podem ajudar a transformar a sua viagem em uma experiência mais tranquila. A partir de agora, o LÁ EM CASA TEM VINHO te ajuda também a organizar a sua viagem para Roma.

E como a gente pode te ajudar a organizar sua viagem para Roma?

Estamos pensando em diversos aspectos. Mas queremos te oferecer possibilidades de buscar todos os produtos e serviços em um só lugar.
  • Você pode buscar a melhor tarifa de hospedagem seu hotel com nosso parceiro Booking.
  • Busca passagens de trem (e viaja de uma cidade a outra) com a nossa parceira RailEurope.
  • Reservar o seu transfer do aeroporto de Fiumicino (Leonardo da Vinci) ou Ciampino ao Termini e do Termini aos aeroportos com a Terravision.
  • Faz a cotação de seu seguro de viagem, obrigatório para quem visita diversos países europeus, signatários do Tratado de Schengen - inclusive a Itália, com o nosso parceiro SegurosPromo.
  • Compra os ingressos de todos os seus passeios antecipadamente, já se programando e evitando filas, com nosso parceiros GetYourGuide.
  • Podemos ainda acompanhar um dia de passeio e fazer fotos de você e seu grupo. Assim, não vai ter aquela história de ficar pedindo para alguém tirar a foto ou ainda sempre ter alguém do grupo que não aparece nas imagens.
  • Desconto para você visitar uma vinícola perto de Roma.
Confira aqui como a gente pode ajudar a organizar a sua viagem a Roma e os serviços que oferecemos.

Deixe uma resposta